Clan Of Xymox - Louise

Voce é gótico?

''Descobre a subcultura gótica enquanto cresce, e percebe que ela faz parte de você. Geralmente essa descoberta ocorre com a arte, ouvindo-se uma música em algum lugar, vendo imagens relacionadas à nossa cultura e sentido-se bem com elas. A cultura gótica consiste , não exatamente num mundo cheio de lágrimas, mas sim, num mundo obscuro, profundo, num mundo na qual há sentimento, paixão, delírios e até mesmo razão. São esses sentimentos que causam o distanciamento de nós góticos do mundo dos demais mortais. Sentimos um amor profundo pelas artes, além de sentimentalismo exagerado, ou então, uma frieza e distância inexpugnáveis. Perfeição e escuridão são duas outras coisas presentes na alma de um gótico, além da capacidade de amar eternamente e ainda depois...''


Autor desconhecido

Capa do novo EP da banda Lacrimosa

 Tilo Wolff divulgou ontem no site oficial da banda Lacrimosa, novidades que os fãs podem aguardar para 2014 como a versão ao vivo de "Irgendein Arsch ist immer unterwegs". Também a banda gótica alemã está trabalhando numa nova música intitulada "Heute Nacht" que aparecerá em seu novo EP junto com três outras faixas inéditas que está previsto para ser lançado em alguns dias. Porém, quem quiser adquirir o EP, este não estará disponível no mercado por enquanto, mas poderão comprar na loja online http://www.hos-shop.com/ .

Confira a capa:


“Paradise [What About Us]” Parceria de Tarja Turunen com a banda Within Temptation


A es-vocalista da banda Nightwish, Tarja Turunen lançou um clipe em parceria com a banda de metal sinfônico holandesa, Within Temptation. 
“Paradise [What About Us]” é oriunda do novo EP do Within Temptation.

Madame: A casa underground

 Em 20 de outubro de 1983, abriu na Conselheiro Ramalho, no centro paulistano, um muquifo que viraria lenda. Ocupando um casarão dos anos 1930 já então bem sambado, o Madame Satã não tinha sofá, ar-condicionado nem alvará. O som era tosco, e a pista, um socavão escuro e cheio de baratas.
Mas não havia lugar melhor para ter 20 anos e viver o surto anárquico e criativo que começou a espantar o ranço da ditadura no meio dos 1980.
A graça era o som pós-punk e new wave do porão e a programação frenética de música, arte e performances ao vivo, que ia de RPM e Legião Urbana a Itamar Assumpção e Cida Moreira, passando por sessões de filmes do Primo Carbonari exibidos de trás para frente e pela famosa "mulher do repolho", uma amalucada que o ex-seminarista Wilson José, mentor do clube, trancava numa jaula e alimentava com o legume, à guisa de espetáculo.
A casa fechou em 1989 deixando saudade... Reabrindo em 2012.

(Foto: Adriano Conter)

 Nesta nova fase, o clube se livra do “Satã” e fica apenas com Madame. O título original foi registrado por José Maurício Penteado, antigo dono da casa.
 E as mudanças não param por aí. Datado de 1936, o antigo casarão também sofreu alterações. Foi preciso refazer o telhado, trocar a fiação e reformar toda a estrutura do imóvel, que é tombado. Além disso, as noites não serão mais tão quentes no Madame. Quatro aparelhos de ar-condicionado foram instalados pela primeira vez no local. Os sócios ainda não fecharam as contas, mas estipulam que os gastos já chegam à casa dos 800 mil reais.
O espírito underground do Madame, entretanto, deve permanecer o mesmo. As performances de drag queens e as peças de teatro farão parte da programação, como antes. .
Saudosos relembram que outro ponto forte da casa era a coexistência, sem muitos problemas, de diversas tribos. “O Satã era diferente de todos os lugares que eu já tinha ido, mesmo fora do país”, relata Eneas Neto, que foi DJ do clube e hoje é organizador da festa Trash 80’s.
“Você era livre para ser o que quisesse e vestir o que fosse”, recorda o cabeleireiro e maquiador Marcelo Vilela, que começou a frequentar o local em 1985, aos 15 anos. Aos 42, ele segue a profissão que começou a exercer de brincadeira nas chamadas “Noites do Penteado”, quando uma cadeira de cabeleireiro era colocada no andar superior do casarão e o pessoal aproveitava para incrementar o look.
Outro que escolheu a profissão no Madame foi Mauricio Bischain, o DJ Mau Mau. Antes dançarino de street dance, ele tocou pela primeira vez na pista da balada, em dezembro de 1986. “Talvez eu nem fosse DJ se não fosse o Madame”, diz Mau Mau.
Cada noite no novo Madame será dedicada a um estilo que marcou a história do local, com as novidades da cena musical. Às quintas, figura o rock alternativo, com residência dos DJs Rafael Perrotta e Kid Vinil no projeto Skull. Nesta noite, também rolam shows de rock no palco do porão, por onde já passaram variados nomes da música nacional, de Ratos de Porão a Elza Soares. Com 30 anos de carreira, a banda punk paulistana Inocentes volta em abril à casa, onde estreou o álbum “Pânico SP”, em 1984.
Às sextas, o gótico toma conta da pista na festa Bats & Robots. Aos sábados, Gé Rodrigues e Magal comandam a 80s, noite dedicada aos hits dos anos 80 e onde só é permitido discotecar com discos de vinil. Nos domingos, ocorre a matinê Vintage Party, dedicada ao rockabilly, embalada pelos residentes Ivan Rocker e Eric Von Zíper.
Aberto também durante a tarde, o novo Madame ostenta o título de centro cultural, com exposições e cursos de DJ, dança e teatro, que serão coordenados pela diretora cultural Paula Micchi.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/
http://vejasp.abril.com.br/

Frankenstein - Entre anjos e demônios

 
Imagine um filme que reúne os mais célebres personagens dos filmes de terror! É o que promete o diretor Stuart Beattie, que estreia seu novo trabalho intitulado ''Frankenstein - entre anjos e demônios'', que põe o Frankenstein, o Drácula, lobisomens e demônios no mesmo enredo. O roteiro foi escrito por Kevin Grevioux , Stuart Beattie e Mary Shelley, e está previsto para estrear nas telas do cinema brasileiro em 24 de janeiro 2014. A Lakeshore espera que esta seja a próxima franquia de ação e horror, semelhante ao que fizeram com o Anjos da Noite - Underworld. Sem contar, que o filme será convertido para 3D, sendo que o orçamento ficou na casa dos US$ 40 milhões.
 O elenco conta com: Aaron Eckhart ("Batman -- O Cavaleiro das Trevas"), Miranda Otto ("O Senhor dos Anéis"), Yvonne Strahovski (das séries "Dexter" e "Chuck") e Bill Nighy ("Anjos da Noite").

Sinopse:

O monstro de Frankenstein, agora com o nome de Adam, sobreviveu até os dias atuais. Tentando encontrar seu próprio caminho ele acaba se envolvendo em uma guerra entre dois clãs imortais em uma cidade ancestral chamada Darkhaven.
 O compatriota do demônio príncipe, é encarregado de rastrear e capturar Adam, que está sendo caçado por demônios que querem aprender o segredo de sua criação, a fim de construir um exército de mortos-vivos demoníaco.

Assista ao trailer abaixo:


Meu Sonho (Álvares de Azevedo)

Meu sonho

Cavaleiro das armas escuras,
Onde vais pelas trevas impuras
Com a espada sanguenta na mão?
Por que brilham teus olhos ardentes
E gemidos nos lábios frementes
Vertem fogo do teu coração?

Cavaleiro, quem és? — O remorso?
Do corcel te debruças no dorso...
E galopas do vale através...
Oh! da estrada acordando as poeiras
Não escutas gritar as caveiras
E morder-te o fantasma nos pés?
Onde vais pelas trevas impuras,
Cavaleiro das armas escuras,
Macilento qual morto na tumba?...
Tu escutas... Na longa montanha
Um tropel teu galope acompanha?
E um clamor de vingança retumba?
Cavaleiro, quem és? que mistério...
Quem te força da morte no império
Pela noite assombrada a vagar?

O FANTASMA

Sou o sonho de tua esperança,
Tua febre que nunca descansa,
O delírio que te há de matar!...


Tema: Góticas (fotos)











Versos de Casimiro de Abreu

''Ri, criança, a vida é curta,
O sonho dura um instante.
Depois... o cipreste esguio
Mostra a cova ao viandante!
A vida é triste - quem nega?
- Nem vale a pena dize-lo .
Deus a parte entre seus dedos
Qual um fio de cabelo!
Como o dia, a nossa vida
Na aurora é - toda venturas,
De tarde - doce tristeza.''

- Casimiro de Abreu


Aprenda a fazer a abóbora de Halloween

 A abóbora com a velinha dentro virou uma verdadeira tradição de Halloween, graças a famosa lenda do Jack O'lantern, para os que ainda não a conhece há uma postagem no blog que conta a história. (Clique AQUI para ler a postagem)
De acordo com a tradição celta de mais de dois mil anos atrás, o dia 31 de outubro era a data em que a alma dos mortos vinham visitar seus parentes na terra e por isto, comemorações deveriam ser realizadas para eles. Como o dia 31 está próximo, o que acha de fazer a abóbora de Halloween para decorar a sua festa?
As instruções abaixo assim como as imagens, retirei do site oartesanato.com, e ao final, acrescentei uma receita de doce de abóbora que pode ser feito com o restante não utilizado no enfeite e também pode ser servido na festa do Dia das Bruxas.

Materiais:

  • 1 abobora (mais ou menos do tamanho de uma bola de futebol) 
  • 1 faca bem afiada 
  • 1 colher 
  • 1 vela (ou mais) 
  • 1 caneta 
  • Jornal para cobrir a área de trabalho 


O primeiro será lavar muito bem a abobora e deixá-la secar. Agora trace, na parte de cima da abobora, um circulo ao redor do talo. Corte pela línea, com a faca em um ângulo, para que o corte não fique reto; esta será a tampa, pelo qual, não jogue fora. Agora, por essa mesma abertura, comece a tirar pouco a pouco todo o recheio, raspando as paredes da abóbora, até que ela fique lisa.


como-fazer-uma-abobora-de-halloween-113.jpgcomo-fazer-uma-abobora-de-halloween-114.jpg

Na medida em que você for raspando, tire o recheio, para que fique mais fácil. Você pode aproveitar o recheio e fazer doces, ou torrar as sementes e comê-las com sal, mas se não quiser, jogue fora. Na parede da pare ta frente da abobora deve ficar de uns 2 cm de largo, não mais, para que não seja difícil fazer o desenho, e não menos, para que não seque e estrague o trabalho.

como-fazer-uma-abobora-de-halloween-117.jpgcomo-fazer-uma-abobora-de-halloween-118.jpg


Agora desenhe o seu motivo nela, seja um rostro ou um fantasma ou o que você quiser; mas tem que ser algo que assuste! Importante, a canetinha não pode ser de tinta permanente. Agora corte cuidadosamente o seu desenho, também com a faca em ângulo, tirando fora as partes. Agora coloque pequenas velas no interior da abobora e acenda-as, você verá que legal que ficou seu trabalho. Enfeite sua festa, sua casa ou seu jardim com elas e prepare-se para assustar à vizinhança.


Docinho de abóbora:



Ingredientes:

300g de abóbora
1 lata de leite condensado
1 colher (sopa) de manteiga
manteiga para untar
açúcar de confeiteiro para passar os docinhos
cravo-da-índia para decorar

Modo de preparo:


  • Cozinhe a abóbora em água, até ficar macia (cerca de 25 minutos)
  • Escorra a água e passe por um espremedor de batatas
  • Em uma panela, misture o Leite MOÇA com a abóbora e a manteiga
  • Leve ao fogo baixo, mexendo sempre até desprender do fundo da panela (cerca de 15 minutos)
  • Coloque em um prato untado com manteiga e deixe esfriar
  • Enrole os docinhos, passe pelo açúcar e decore com um cravo-da-índia
  • Coloque em forminhas de papel e sirva
 
Gothic World © Copyright | Template By Mundo Blogger |